Publicada em 20/03/2017 às 09h06.
Celulares básicos também terão acesso à internet 4G
Países como Brasil e Índia poderão contar com celulares de entrada com 4G LTE, o que até então não era possível.

(Foto: Reprodução)

 

A Qualcomm anunciou, nesta segunda-feira, 20, o lançamento de uma plataforma chamada Qualcomm 205. Trata-se do primeiro investimento da empresa no setor de celulares de entrada em três anos.


 

Essa plataforma traz o SoC 205 (capaz de atingir até 150 Mbps de download em 2G, 3G e 4G), uma CPU dual-core de 1,1 GHz, a GPU Adreno 304 e suporte a dois chips. Ela ainda aceita câmeras de 3 megapixels e gravação de vídeos a 420p e 30 quadros por segundo. Os displays podem ser VGA que rodam vídeos a 720p. Tem também suporte a Wi-Fi 802.11n e 802.11a/b/g, Bluetooth 4.1, GPS e USB 2.0.


 

O que importa nisso tudo é que o investimento da Qualcomm permitirá a montagem de aparelhos mais baratos, porém com conexão que esteja em pé de igualdade com a dos tops de linha. Países como Brasil e Índia poderão contar com celulares de entrada com 4G LTE, o que até então não era possível.


 

"Downloads mais rápidos e recursos fortes de criptografia podem resultar em novas oportunidades para pequenos negócios e microempreendedores, que podem ganhar novas formas de aceitar e enviar pagamentos, acessar contas bancárias e rastrear despesas", ressalta a empresa, em nota.


 

Ao mesmo, tempo, a Qualcomm lembra que celulares de entrada costumam apresentar melhores resultados em termos de duração de bateria, o que "significa necessidade reduzida de carga, um importante fator para indivíduos e negócios que talvez não possam ter acesso a fontes confiáveis de energia o tempo todo".


 

A nova plataforma está disponível a partir de hoje, segundo noticiado pelo The Verge. A adoção não deve demorar muito, porque espera-se que celulares básicos com esses recursos apareçam no mercado no segundo trimestre deste ano.

 

 

Olhar Digital

TODOS OS COMENTÁRIOS (0)



Login pelo facebook
Postar
 
Região: Últimas notícias
Curiosidades
Policia
Pernambuco
Fofoca
Política
Esportes
Brasil e Mundo
Tecnologia