Publicada em 12/03/2018 às 08h19.
Aplicativo oferece mais proteção às mulheres
Para dar mais segurança ao público feminino durante viagens no transporte individual, será lançado o FemiDriver.

Motoristas e passageiras interessadas em aderir à novidade devem se cadastrar pelo aplicativo

Foto: Arthur de Souza

 

Nos próximos dias, as mulheres ganharão mais um recurso para o transporte individual. É o aplicativo FemiDriver, que vem atender à demanda de viagens mais confortáveis e seguras para o público feminino, diante das queixas de assédio e abuso sexual em serviços semelhantes. Motoristas e passageiras interessadas em aderir à novidade devem se cadastrar pelo app, disponível nas plataformas iOS e Android. O início das atividades está previsto para 2 de abril (uma segunda-feira), às 14h, para corridas na Região Metropolitana do Recife, Caruaru e Petrolina. 

Já existem outros aplicativos dedicados ao transporte feminino. O FemiDriver se diferencia por ter uma diretoria toda composta por mulheres e por ter uma taxa de cobrança - 17% da renda de cada viagem é recolhida pela empresa, ficando o resto para 
a motorista. “Espero que todas abracem esse projeto. É uma grande oportunidade para conquistar a independência financeira”, conta a CEO do app, Clauciane Lemos.



O serviço contará com três formatos de corrida: básico, luxo e família. No caso deste último, a motorista deverá especificar em seu cadastro se topa aderir à modalidade, para levar os parentes da passageira. A condutora também saberá o destino de cada viagem previamente e poderá pegar passageiras aleatoriamente na rua, caso solicitado. Ainda há um recurso para saber onde estão os locais mais “quentes”, com mais solicitações de corridas.

O valor mínimo da tarifa fica em R$ 6,00. Como forma de pagamento, pode ser utilizado tanto cartão de crédito quanto dinheiro físico. E em caso de emergências, a passageira pode acionar tanto a Polícia, através de um botão no app que telefona para o 190; quanto enviar mensagem para “contatos de confiança”, como parentes próximos. 

A empresa também está recrutando motoristas nas outras capitais nordestinas e em Vitória, no Espírito Santo, visando expandir o negócio futuramente. Em maio, o app deve chegar a João Pessoa e Maceió. 

Cadastrando motorista
Quem tiver interesse em ser motorista do serviço precisa apresentar, na hora da inscrição no aplicativo, carteira de habilitação, comprovante de residência, certidão criminal e documentos do carro. A empresa oferece treinamento para as cadastradas, com informações sobre políticas de prevenção à violência contra a mulher, palestra de boas maneiras no trânsito e esclarecimento de dúvidas com a assessoria jurídica.

 

 

Folha PE

TODOS OS COMENTÁRIOS (0)



Login pelo facebook
Postar
 
Curiosidades
Policia
Pernambuco
Fofoca
Política
Esportes
Brasil e Mundo
Tecnologia