Publicada em 12/01/2019 às 10h45.
Falso médico atende pacientes usando registro clonado, na Policlínica de Catende
O impostor está foragido desde que o Conselho Regional de Medicina abriu sindicância para apurar a denúncia. A Polícia Civil investiga o caso.

 

(Equipe da CREMEPE, em Catende, PE/ Imagem: reprodução das redes sociais)


 

O Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (CREMEPE) abriu sindicância para apurar uma grave denúncia de exercício ilegal da profissão, ocorrido no município de Catende, na mata Sul do estado, após a morte de um paciente transferido da cidade para a capital pernambucana. A Polícia Civil foi acionada para investigar a ocorrência.

 

O falso médico está foragido. De acordo com as investigações, iniciadas na quarta-feira (09), o impostor estaria utilizando o registro de CRM clonado de um profissional real para realizar consultas a pacientes, na Unidade Mista Dr. João Mayrick. Apesar de estar fechada, a policlínica funciona de forma improvisada no atendimento à população.

 

A suspeita de atuação ilegal do médico se deu após a morte de um paciente, no trajeto de transferência para o Hospital da Restauração, em Recife, vítima de um traumatismo craniano. Como procedimento de rotina, os plantonistas do HR tentaram entrar em contato com o colega de Catende, mas este não foi encontrado.

 

Boletim de ocorrências

 

O vice-presidente do CREMEPE, Maurício Matos, reuniu uma equipe de fiscais e seguiu até Catende para apurar a denúncia. Na unidade de saúde foram encontrados prontuários assinados pelo impostor, com atendimentos a vários pacientes. Descobriu-se também que o falsário, além de usurpar o nome (Dr. Michel Miguel), também falsificou o registro legal de um profissional de verdade.

 

O médico verdadeiro foi localizado e informado dos fatos. Após constatar a denúncia, o CREMEPE acionou a delegacia local e registrou boletim de ocorrências.

 

TODOS OS COMENTÁRIOS (0)



Login pelo facebook
Postar
 
Curiosidades
Policia
Pernambuco
Fofoca
Política
Esportes
Brasil e Mundo
Tecnologia
 
alert('Fazendeiro!') alert('Fazendeiro!')