Publicada em 15/06/2019 às 13h57.
Camaragibe: buscas por vítimas soterradas após deslizamento continuam
Equipes trabalham no local da queda da barreira desde quinta-feira (13), quando aconteceu o deslizamento.

Imagem: Ronan Tardin

 

Bombeiros trabalham há mais de 40 horas para resgatar dois irmãos, um adolescente de 14 anos e uma criança de 6 anos, que ficaram soterrados depois de um deslizamento de barreira em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife. As buscas ocorrem desde a quinta-feira (13), quando ocorreu o deslizamento que deixou cinco mortos. Ao todo, há sete mortes no Grande Recife devido às chuvas. 


“Os trabalhos continuaram desde a quinta-feira, com nossas equipes, junto com a Polícia Civil, a prefeitura. Durante a madrugada, equipes nossas continuaram trabalhando no local. Agora que parou de chover, está mais difícil o nosso trabalho, pois o barro está mais duro. Durante todo o dia, vamos continuar as buscas da melhor maneira, com todos os cuidados possíveis para encontrar as duas vítimas”, afirma o Major Carlos Souza, comandante da operação de resgate do Corpo de Bombeiros.


Ele conta quais as principais dificuldades enfrentadas pelos bombeiros nas buscas no local. “Se começar a chover de novo, pode haver um novo deslizamento de terra. O barro endureceu e fica muito difícil cavar. E nosso trabalho tem que ser cuidadoso para a gente não ferir mais ainda os corpos que estejam no local. Ou até, talvez, podemos encontrar alguém vivo, temos que esperar todas as possibilidades”, diz.


Três casas ficaram destruídas após uma barreira caiu na Segunda Travessa Bom Jesus, por volta das 11h da quinta (13). De acordo com a prefeitura, uma delas estava em fase de construção e outras duas moradias ficaram danificadas. Após a tragédia, o município decretou situação de emergência, na sexta-feira (14).


Vítimas do deslizamento


Uma mulher foi resgatada com vida na quinta (13). Larissa Lafayete Ribeiro, de 20 anos, foi levada para o Hospital da Restauração, no bairro do Derby, no Centro do Recife. Segundo a unidade de saúde, a paciente tem quadro clínico estável e passou por cirurgias no fêmur e no quadril. O marido dela, Edvaldo Ferreira, de 23 anos, foi encontrado sem vida durante a tarde.


Durante a madrugada desta sexta (14), os bombeiros também retiraram os corpos de uma mulher de 30 anos e de dois filhos dela: uma criança de 3 anos e um bebê de 11 meses. A mãe, segundo a Defesa Civil, foi encontrada abraçada com o bebê.


Pela manhã, o corpo de outro filho dela, um garoto de 8 anos, foi encontrado. Um adolescente de 14 anos e uma criança de 6 anos, também filhos da mulher encontrada morta, estão desaparecidos.


Pai do garoto encontrado morto e da criança desaparecida, o autônomo Everton Ricardo da Silva, trabalha em um cemitério e soube da tragédia por telefone, através de uma irmã. 


Sobe para sete o número de mortos na chuva que atingiu a Região Metropolitana do Recife


Veja quem são os mortos


Edvaldo Ferreira da Silva Filho, de 23 anos

Edilene da Conceição, de 30 anos

Cauã Ricardo da Silva, de 8 anos

Bebê de 11 meses de nome não divulgado

Criança de 3 anos de nome não divulgado


Veja quem está desaparecido


Ítalo Wengel de Souza, de 14 anos

Lucas Ricardo da Silva, de 6 anos


Donativos


Em Camaragibe, quatro pontos estão disponíveis para arrecadação de donativos para as vítimas da chuva. São necessários alimentos, roupas, agasalhos, cobertores e produtos de higiene e limpeza. O recebimento ocorre das 8h às 18h.


Quem quiser ajudar pode ir até a Secretaria de Assistência Social (Avenida Ersina Lapenda, 107, Timbi); Prefeitura de Camaragibe (Avenida Belmino Correia, Timbi); Comando da Guarda Civil Municipal (Avenida Tiradentes, 153, Jardim Primavera); Secretaria de Desenvolvimento Econômico (2ª Travessa Padre Oseas Cavalcante, 800, ao lado da delegacia); e loja Photoshop (Avenida Belmino Correia, 660, em frente à Rua Eliza Cabral).


Outras mortes


No bairro do Pina, na Zona Sul do Recife, uma mulher de 34 anos morreu depois que o carro em que ela estava entrou no Túnel Josué de Castro, que foi inundado pela chuva, e afundou, por volta das 20h30 da quinta (13). Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima foi identificada como Mirelle Paula da Silva.


Ela e duas mulheres não identificadas estavam em um veículo, mas as outras duas ocupantes conseguiram sair do carro. Mirelle não sabia nadar e morreu no local, segundo o Corpo de Bombeiros, que enviou uma equipe de resgate para o local. 


Em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, uma adolescente de 17 anos morreu e quatro pessoas da mesma família ficaram feridas após um deslizamento de barreira, na quinta-feira (13), no bairro de Jardim Monteverde. A jovem foi identificada como Maria Gabriela de Souza.


Segundo a prefeitura de Jaboatão, a barreira atingiu a casa onde estavam uma mulher e quatro filhos. Maria Gabriela foi socorrida por moradores da área e chegou sem vida a uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA). 

 

G1

Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Nova Mais. A responsabilidade é do autor da mensagem.
TODOS OS COMENTÁRIOS (0)



Login pelo facebook
Postar
 
Curiosidades
Policia
Pernambuco
Fofoca
Política
Esportes
Brasil e Mundo
Tecnologia
 
Nova + © 2019
Desenvolvido por RODRIGOTI