Publicada em 17/01/2022 às 08h03.
Entenda a treta entre o irmão de Marília Mendonça e Naiara Azevedo
Neste domingo, após a polêmica e a repercussão negativa em torno do assunto, a equipe de Naiara Azevedo fez um comunicado anunciando que a música não será lançada.


Marília Mendonça e seu irmão caçula, João Gustavo - Foto: Reprodução Instagram


Já está formada a primeira treta do "Big Brother Brasil 22" antes mesmo do programa começar. E a confusão atinge em cheio o meio sertanejo. Envolve João Guilherme, irmão da cantora Marília Mendonça e Naiara Azevedo, uma das integrantes do time Camarote, parceira de Marília em algumas músicas. E é aí que está o problema.... João acusa Naiara de estar pegando carona no programa que estreia segunda-feira (17) para se promover às custas de sua irmã, morta num trágico acidente aéreo no ano passado. Isso se dá pois Naiara, ainda confinada para estrear na casa, disse que vai lançar uma música feita com Marília em 2020. Neste domingo (16), diante da repercussão negativa, Naiara desistiu de lançar "50 por cento".


Tudo ia bem, com Naiara dentro do "BBB 22" e o mundo sertanejo unido aqui fora por sua representante, assim como foi com o cantor Rodolffo na edição de 2021. Até que veio a público a intenção de Naiara lançar uma música feita em parceria com Marília em 2020.


Foi aí que João Gustavo resolveu reagir por considerar a decisão oportunista: "Parabéns, Naiara, isso eu já sabia. Você nunca enganou ninguém", começou ele, numa série de declarações compartilhadas na web: "Todo mundo já sabia que você entraria no 'BBB' para se promover, e eu sei que você não vai tirar o nome da minha irmã da boca, então eu vou fazer de tudo para que você não fique dentro dessa casa", publicou ele em seu perfil no Twitter. Ele inclusive chegou a mudar o perfil de nome, para  "Ex-bbb que nem entrou no BBB".


João também é cantor sertanejo e forma dupla com Dom Vittor: "É muito fácil olhar da janela na casa do vizinho. Estamos aprendendo a separar o joio do trigo. E falem o que quiser, mas nós sabemos o que é verdadeiro e o que não é! Quando pensei em não lançar mais meu trabalho lembrei do quanto ela estava feliz. Engoli o choro, a dor. Fizemos como ela queria", disse ele sobre ter lançado uma parceria de sua dupla com Marília depois da morte da irmã.


A reação do irmão de Marília Mendonça não foi unânime. Muitos fãs de Naiara se pronunciaram contra ele, dizendo que também o próprio lançou uma parceria com a irmã depois da morte dela. A justificativa dele é que essa seria a vonade dela e que já haveria a combinação sobre a data de lançamento de sua música "Calculista" para este momento.


Ruth Moreira nao gostou nada da história, assim como seu filho. "Sofremos pressões por todos os lados, contudo não estamos arrasados. Ficamos perplexos com os acontecimentos, mas não perdemos a esperança", postou ela em seu stories.


Neste domingo, essa trama teve nos capítulos: Maraisa, que tem dupla com Maiara e segue os passos do projeto "As patroas", feito com Marília Mendonça, apoiou o irmão da amiga/irmã e parou de seguir Naiara nas redes sociais. Pouco antes disso, João fez uma nova postagem justificando suas críticas a Naiara: "Não vou deixar ninguém, mas ninguém mesmo se fazer valer da partida dela. Uma coisa vou levar para a vida: QUEM AMA NÃO USA".


Neste domingo, a equipe que adminstra as redes sociais de Naiara soltou uma nota sobre a confusão:


“Naiara Azevedo sempre manteve relacionamento de respeito com Marília, tanto na música quanto no âmbito pessoal. A música em questão estava gravada desde 2020, no projeto “Juntas”, mas não foi lançada até o presente momento por uma questão de liberação da gravadora.


No final de 2021, a equipe de Naiara foi avisada sobre a liberação autorizada pela gravadora, possivelmente para fevereiro de 2022, mas sem chancela de data. 


Aproveitando a gravação de seu projeto “Naiara Azevedo Baseado em Fatos Reais”, que aconteceu em 19 de dezembro, Naiara optou por regravar a canção como uma forma carinhosa de homenagear a cantora e, inserindo imagens do videoclipe no telão de seu novo DVD".


Segundo consta, Marília tinha se arrpendido de ter gravado essa música com Naiara em 2020 e não queria ver sua imagem associada à dela depois que a cantora de "50 reais" participou de um almoço com o presidente Jair Bolsonaro, aquele que ele mandou a imprensa enfiar leite condensado no "rabo".


Neste domingo, após a polêmica e a repercussão negativa em torno do assunto, a equipe de Naiara Azevedo fez um comunicado anunciando que a música não será lançada.


O comunicado diz: “A equipe de Naiara Azevedo tem toda admiração e respeito por Marília Mendonça e sua família, e entende toda a delicadeza da situação. O trâmite da gravação da música “50 por cento” foi feito através das duas artistas. Para o lançamento, se faz necessário uma burocracia por parte da gravadora – o que é comum com qualquer feat gravado. A autorização para participação das artistas veio somente no primeiro semestre de 2021, e a liberação de lançamento para início do ano de 2022.


Com o convite para Naiara participar do reality show com maior visibilidade do Brasil, foi pensada uma estratégia de carreira para a cantora e gravou-se um DVD, que todos sabem o quanto é importante para um artista. Neste projeto, foi incluída a faixa “50 por cento”, uma canção muito especial para Naiara, e se manteve a participação da Marília através das imagens do videoclipe já gravado, como forma de carinho e admiração. Reiteramos que tudo foi sempre feito dentre os trâmites legais".



FONTE: FOLHAPE.COM.BR

Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Nova Mais. A responsabilidade é do autor da mensagem.
TODOS OS COMENTÁRIOS (0)



Login pelo facebook
Postar
 
Curiosidades
Policia
Pernambuco
Fofoca
Política
Esportes
Brasil e Mundo
Tecnologia
 
Nova + © 2022
Desenvolvido por RODRIGOTI