Publicada em 19/05/2017 às 15h05.
Aécio cita Alexandre de Moraes para impedir avanço da Lava-Jato
Diálogo pouco republicano revela as intenções do tucano.

Ministro Alexandre de Moraes durante sessão no STF (Supremo Tribunal Federal) que analisa denúncia

da Procuradoria-Geral da República (PGR) de que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha,

teria recebido 5 milhões de dólares de propina em esquema de corrupção -

17/05/2017 (Nelson Jr./SCO/STF/Divulgação)


O senador Aécio Neves citou o ministro do STF Alexandre de Moraes em seu plano para impedir o avanço da Lava-Jato.


Um diálogo travado com Joesley Batista mostra que o tucano tentou encontrar uma forma de redistribuir os inquéritos entre os delegados, escolher quem eventualmente melhor o convinha. O plano caiu por terra ao não chegar a um acordo com Michel Temer e Alexandre de Moraes.


“O que vai acontecer agora, vai vir inquérito sobre uma porrada de gente, caralho, eles aqui são tão bunda mole, que eles não notaram o cara que vai distribuir os inquéritos para os delegados, você tem lá, sei lá, tem dois mil delegados na polícia federal, ai tem que escolher dez caras. O do Moreira, o que interessa a ele, sei lá, vai pro João, o do Aécio vai pro Zé. O outro filho da puta, foda-se, vai para o Marculino, nem isso conseguiram terminar, eu, o Alexandre e o Michel“, disse o senador.

 

 

Veja

TODOS OS COMENTÁRIOS (0)



Login pelo facebook
Postar
 
Região: Últimas notícias
Curiosidades
Policia
Pernambuco
Fofoca
Política
Esportes
Brasil e Mundo
Tecnologia