Publicada em 26/09/2020 às 09h42.
Bolsonaro tem 'ótima evolução clínica e sem complicações cirúrgicas', diz boletim médico
Presidente passou por cirurgia na sexta-feira para retirada de cálculo de mais de 5 anos. Neste sábado, sonda vesical foi retirada, para que ele urine normalmente.

Imagem: reprodução/ redes sociais.


O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) segue com "ótima evolução clínica e sem complicações cirúrgicas" neste sábado (27), informa boletim médico divulgado pelo Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Na sexta-feira (25) o político passou por uma cirurgia para retirada de cálculo na bexiga. Além disso, nesta manhã foi retirada a sonda para que ele urine normalmente.


"O Excelentíssimo Presidente da República Jair Bolsonaro segue com ótima evolução clínica e sem complicações cirúrgicas. Não apresenta sangramentos e está afebril. Foi retirada a sonda vesical para que ele urine espontaneamente. O paciente está recebendo hidratação oral e caminhando fora do quarto", diz o boletim assinado pelos médicos Leandro Santini Echenique, cardiologista, Leonardo Lima Borges, urologista, e Miguel Cendoroglo, Diretor-Superintendente do Hospital Israelita Albert Einstein.


A primeira-dama Michelle Bolsonaro postou uma foto do marido nas suas redes sociais nesta manhã. O presidente aparece sorrindo e fazendo um sinal de positivo com a mão (veja acima). Ele usa uma camisa do time de futebol


Logo após a operação, ainda na sexta, Bolsonaro já caminhava pelo quarto do hospital, segundo boletim médico divulgado anteriormente. O presidente apresentava "ótima evolução clínica", de acordo com o documento.


"Segue sem intercorrências, afebril e em uso de sonda vesical, sem sangramentos. Iniciou dieta oral e caminhou no quarto', dizia o boletim do Einstein.


A cirurgia em Bolsonaro durou cerca de 1 hora de 30 minutos, e o cálculo foi totalmente removido, segundo o hospital.


Pacientes que são submetidos a esse tipo de procedimento costumam ficar internados por até 48 horas. Os médicos avaliam agora se o presidente pode ou não receber alta ainda neste sábado ou no domingo (27).


Segundo o primeiro boletim médico divulgado pelo hospital após o término da cirurgia, na manhã de sexta, Bolsonaro "foi submetido à intervenção cirúrgica de Cistolitotripsia endoscópica para a retirada de cálculo da bexiga". "O procedimento foi realizado sem intercorrências", diz o boletim.


FONTE: G1.

Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Nova Mais. A responsabilidade é do autor da mensagem.
TODOS OS COMENTÁRIOS (0)



Login pelo facebook
Postar
 
Curiosidades
Policia
Pernambuco
Fofoca
Política
Esportes
Brasil e Mundo
Tecnologia
 
Nova + © 2020
Desenvolvido por RODRIGOTI