Publicada em 20/09/2021 às 09h12.
De volta à Série D: veja como foi o Santa na primeira passagem pela divisão
Tricolor jogou o campeonato entre os anos de 2009 a 2011, conseguindo o vice-campeonato há 10 anos.

Foto: Lucas Figueiredo/ CBF


Série D e Santa Cruz se reencontram. Após deixar a última divisão do futebol brasileiro há 10 anos, o Tricolor retornará em 2022 ao campeonato, após encerrar a Série C 2021 na lanterna do Grupo A.  Na primeira passagem, entre os anos de 2009 a 2011, a Cobra Coral sofreu nos primeiros anos e só deixou a competição na terceira tentativa, obtendo o vice-campeonato.

Antes de detalhar o “triênio” coral na Série D, é preciso relembrar como o Santa Cruz chegou até lá. Na Série C 2008, 63 clubes se dividiram em 16 grupos - 15 deles com quatro times e um com três. O Tricolor ficou no 5, avançando à fase seguinte ao terminar em segundo, atrás do Campinense/PB e à frente de Potiguar/RN e Central. Na etapa posterior, com 32 classificados, porém, os pernambucanos ficaram na lanterna de outro quadrangular, que contava com Salgueiro, Campinense (novamente) e Icasa. Como não conseguiu ficar entre os 20 melhores gerais, a Cobra Coral não obteve vaga na Terceirona em 2009, caindo para a quarta.

A primeira edição da história da Série D, em 2009, teve 39 participantes divididos em nove grupos com quatro times e um grupo com três. O Santa ficou na chave 4, ao lado Central, Sergipe e CSA/AL. Com uma vitória, dois empates e quatro derrotas, o Tricolor ficou na lanterna da chave, permanecendo mais um ano na quarta divisão.

No ano seguinte, o Santa, novamente na chave 4, ficou na segunda posição. No bloco, o CSA estava novamente, mas agora acompanhado de Confiança e Potiguar/RN. Na fase seguinte, de mata-mata, o Tricolor caiu perante o Guarany de Sobral/CE. Os cearenses perderam na ida, no Arruda, por 4x3, mas ganharam dos pernambucanos na volta, por 2x0.

Em 2011, finalmente, o Santa Cruz conseguiu o sonhado acesso. Vice-líder do Grupo 3 na primeira fase, atrás apenas do Santa Cruz/RN e à frente de Guarani/CE, Alecrim/RN e Porto/PE, o Tricolor avançou ao mata-mata. O clube eliminou Coruripe/AL, Treze/PB e superou o Cuiabá/MT na semifinal, chegando à decisão do torneio. Já assegurados na Série C 2012, os pernambucanos perderam o título para o Tupi/MG, terminando em segundo lugar.



FONTE: FOLHAPE.COM.BR

Os comentários abaixo não representam a opinião do Portal Nova Mais. A responsabilidade é do autor da mensagem.
TODOS OS COMENTÁRIOS (0)



Login pelo facebook
Postar
 
Curiosidades
Policia
Pernambuco
Fofoca
Política
Esportes
Brasil e Mundo
Tecnologia
 
Nova + © 2021
Desenvolvido por RODRIGOTI