Publicada em 14/02/2018 às 07h56.
Falha no Telegram permitia mineração de moeda por vírus
Erro foi exposto na versão desktop do aplicativo.

© iStock

 

A empresa de segurança russa Kaspersky revelou, nesta terça-feira (13), uma falha de segurança na versão desktop do aplicativo de mensagens Telegram que podia ser explorada por meio de um malware.


O software malicioso foi usado desde março de 2017 para atacar usuários russos, disse a empresa. O vírus era enviado pelo app como um arquivo executável. Ao ser instalado no computador de quem o baixava, minerava criptomoedas como Monero.


Apenas a sua versão desktop foi afetada pela falha. O Telegram afirmou que a falha foi consertada em novembro.


 

O Telegram é o nono aplicativo de mensagens móveis mais popular do mundo. Com informações da Folhapress. 

 

 

Notícias ao Minuto

TODOS OS COMENTÁRIOS (0)



Login pelo facebook
Postar
 
Região: Últimas notícias
Curiosidades
Policia
Pernambuco
Fofoca
Política
Esportes
Brasil e Mundo
Tecnologia